pesquisar   I
Serviços

Consulta

A Endocrinologia estuda o funcionamento dos hormônios do organismo. Além de indicar os melhores hábitos para uma vida saudável, um endocrinologista é responsável por diagnosticar e tratar diversas disfunções hormonais. Alguns dos campos de atuação do endocrinologista são: o tratamento da Andropausa e Menopausa, o controle alimentar e dos níveis de colesterol e triglicerídeos, o diagnóstico da Diabetes, dos Distúrbios Menstruais das Doenças da Glândula Adrenal e Doenças da Hipófise, além do tratamento da Obesidade, Osteoporose e Doenças da Tireoide.

Para agendar a sua consulta ligue:
(79) 3025-0227 ou (79) 99948-6162

Bioimpedância

O exame de Bioimpedância é um dos métodos mais completos disponíveis para a avaliação da composição corporal. A Bioimpedância é realizada com o auxílio de um equipamento eletrônico, que dispara uma corrente elétrica de baixa amplitude e alta frequência pelo corpo. Trata-se de um procedimento rápido (cerca de 10 minutos), não invasivo e indolor. Essa corrente elétrica é capaz de separar a massa corporal em diferentes partes, cuja soma é a massa corporal total. Assim, é possível identificar as quantidades específicas da composição de diferentes partes do corpo. Este exame é muito importante para os profissionais da área da saúde, já que permite a análise separada de cada um dos componentes do corpo humano, além da comparação em relação ao peso total. Dessa forma, é possível fazer um acompanhamento individualizado e completo de cada paciente, observando os resultados e alterações da composição corporal, otimizando resultados.

Considerações pré-exame:

- Jejum de pelo menos 4 horas;
- Não consumir bebidas alcoólicas por pelo menos 24horas;
- Não consumir alimentos que contenham cafeína (ex.: café, coca-cola, chá mate) nas 24 horas que antecedem o exame;
- Não ter praticado atividade física intensa nas últimas 24horas;
- Estar fora do período pré-menstrual;
- Suspender o uso de medicamentos diuréticos por 24horas antes do teste;

Contraindicações do exame:

Pessoas portadoras de marca-passo e gestantes.
Conheça alguns dados que a Bioimpedância consegue indicar:
Gordura: representa a energia armazenada no corpo.

Massa Sem Gordura (MSG): valor que indica o que restaria se toda a gordura corporal fosse removida, ou seja, valor dos músculos, ossos e água corporal. É também chamado de Massa Magra do corpo (MM).

Água Corporal Total (ACT): soma total da água no copo.
Massa Magra Seca (MMS): MMS é aquilo que restaria caso toda a água fosse retirada da massa sem gordura (MSG). Ou seja: MMS = MSG – ACT.

Peso Desejado: considerado o peso ideal daquele paciente. Este valor pode ser determinado pela decisão entre o paciente e o médico, após os dados apontados pelo exame de composição corporal.

Índice de Massa Corporal (IMC): o IMC de uma pessoa é a medida do seu peso em quilogramas dividido por sua altura em metros elevado ao quadrado. O IMC é comumente usado como um indicador para a magreza, sobrepeso e obesidade. No entanto, as medidas do IMC nem sempre correspondem à realidade da composição corporal de um indivíduo. Uma pessoa considerada pelo IMC em sobrepeso, por exemplo, pode não ter excesso de gordura. São casos como este que demonstram a importância da avaliação da composição corporal por meio da análise de bioimpedância.
Taxa Metabólica Basal (TMB): representa o número de calorias que uma pessoa irá gastar por dia, sem praticar nenhum exercício físico e sem ingerir nada.

Gasto Diário de Energia (GDE): estima o número de calorias uma pessoa queima em um dia (GDE). Trata-se de um cálculo feito a partir dos dados da Taxa Metabólica Basal (TMB) + a energia gasta de acordo com o nível de atividades diárias do indivíduo.